S.O.S.

petapouca

TODOS presentíamos que a noite

preparaba algún sofisma

E o faro extraviado

daba o S-O-S

no morse

—clave Orión—

das estrelas

 

Eses brazos abertos da vela

son os mesmos do vento

que se despreguizou

Na man do Mar esquencedizo

os luceiros peteiran a bicada[1]

A estrela dos cabarets

cun cigarro nos beizos

pide lume aos catro puntos cardinais

Pola Galaxia chea de seixos

un astro vello vai co seu farol

 

Que dan os almanaques

pra esta media-noite?

Pero aínda non sabemos

de que banda vai chegar a media-noite

E o faro extraviado

vai esgotar o seu stock de S-O-S.

 


  1. Cebo.

License

S.O.S. Copyright © by petapouca. All Rights Reserved.

Feedback/Errata

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *